Peperômia-filodendro, peperômia-pendente. Já adianto, a grande maioria das peper…


Peperômia-filodendro, peperômia-pendente. Já adianto, a grande maioria das peperômias tem folhas e frutos comestíveis.
.
Essa é bem comum no paisagismo, bem planta de vó. Na natureza, ela geralmente é epífita, ou seja, nasce sobre troncos de árvores, mas também pode ser cultivada na terra. Olha que linda que ela fica sobre um tronco, forma uma verdadeira cortina natural.
.
As folhas podem ser verdes, como as da foto, ou rajadas de branco, em formato mais ou menos arredondado. O sabor delas é bem interessante, picante, meio pimenta-do-reino, meio salsa. Pela falta de estudos como alimento, é para usar como condimento, com parcimônia. Fica bem interessante como tempero num vinagrete, numa salada, num guacamole, um pesto, ou mesmo num drink. E como decoração comestível, porque não estraga fácil.
.
Popularmente é chamada de “carrapatinho” (não sei se pelo seu hábito de crescer grudada nas árvores, ou talvez pelo seus frutos que parecem um carrapato bem alimentado), e tem uso como anti-inflamatório. Ah, é segura para pets, cães e gatos.
.
Nome científico: #peperomiaserpens #peperomiascandens #peperomianitida
.
#guilhermeranieripeperomia #panc #temperospanc #plantasespontaneas #foraging #plantasalimenticiasnaoconvencionais #paisagismoprodutivo #paisagismocomestivel



Source